Erros na educação de crianças

Os 10 erros mais comuns que os pais cometem.

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Terça-feira 13 Outubro, 2020 // #maternidade, #cuidados, #dicas

OS 10 ERROS MAIS COMUNS QUE OS PAIS COMETEM

Toda mãe deseja que seus filhos sejam pessoas felizes, seguras, honestas, responsáveis ​​e com boa autoestima. Porém, encontrar o equilíbrio para corrigi-los e educá-los corretamente não é fácil, pois, às vezes, o grande amor que sentimos nos cega e podemos cometer erros.

Mas não se preocupe! Abaixo, compartilhamos alguns dos erros mais comuns que cometemos como mães para você refletir e evitá-los a todo custo:

  1. Não estabelecer limites: A melhor maneira de seus filhos aprenderem as regras da casa e desenvolver tolerância, empatia e respeito é estabelecendo limites. Se você se retrair ou priorizar evitar conflitos, seu filh@ aprenderá que pode fazer você mudar de ideia e, no futuro, isto pode tirar o seu controle. Mantenha-se firme!
  2. Agressão: Punir com socos ou gritos é a pior maneira de educar. Tente controlar sua raiva ou aborrecimento e não descarregue no seu filh@. Do contrário, ele pensará que essa é a maneira certa de lidar com os problemas e não conseguirá resolvê-los sem ficar chateado, podendo até se tornar inseguro e retraído. Castigue de acordo com a sua idade e danos causados, bastando às vezes reduzir o horário de televisão ou celular.
  3. Resolver seus problemas: Deixe seus filhos trabalharem e se esforçarem para superar obstáculos e alcançar o que se propuseram a fazer. Não resolva seus problemas nem lhes tire as responsabilidades. Deixe que eles tropecem sozinhos e se reergam para aprender o valor do esforço.
  4. Comparações e rótulos destrutivos: Frases como “você está sempre errado”, “você é um bobo” ou “aprenda com seu irmão”, longe de motivar e dar confiança e segurança aos seus filhos, geram frustração e ciúme. É sempre melhor ouvir e apoiar.
  5. Autoridade confusa: Quando você e seu parceiro discordam, você envia mensagens confusas e contraditórias para o bebê, porque ele não saberá a quem obedecer. Além disto, à medida que ele cresce, poderá usar essas discrepâncias para fazer coisas erradas sem consequências.

Errores al educar a los niños

  1. Maus exemplos: Uma ação vale mais que mil palavras. De nada serve um discurso eterno se não dermos o exemplo. A incoerência entre o que dizemos e fazemos tira nossa força moral. Se queremos promover a honestidade, responsabilidade e honestidade, temos que praticá-la.
  2. Superproteção: Todos os pais pensam que seus filhos são especiais e únicos, mas para o resto do mundo, eles são apenas crianças. Se os acostumarmos a permitir tudo, eles se tornarão pessoas egoístas e incapazes de enfrentar as consequências de seus atos.
  3. Má comunicação: Ao mostrar indiferença e frieza aos seus sentimentos e opiniões, nós os encorajamos a se comportar da mesma forma e, no longo prazo, será difícil para eles confiar e abordar outras pessoas. Procure criar espaços de convivência familiar para ensinar ao seu filho que ele pode contar com você e que ele é importante para você.
  4. Falsas promessas: Todos gostamos que nossos esforços sejam reconhecidos. Portanto, não ofereça uma recompensa inatingível se seu filho atingir suas metas. Se você não cumprir suas promessas, afetará a confiança de seu filho e aumentará sua frustração.
  5. Não conhecer seus filhos: Somos todos diferentes. Assim, o que funcionou para um bebê não necessariamente vai funcionar para outro. Reserve um tempo para conhecê-los, para que você possa reconhecer seus pontos fortes e ajudá-los a melhorar em seus pontos fracos.

Educar os filhos não é uma tarefa fácil. Porém, ao perceber que eles se tornaram pessoas bem-sucedidas, responsáveis, felizes e amorosas, você sentirá grande satisfação. O segredo é educá-los com muito amor e paciência.