Criança e bebê à frente de um tablet com a supervisão da mamãe

Como o tempo na frente das telas influencia no desenvolvimento das crianças?

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Terça-feira 24 Março, 2020 // #saude, #desenvolvimento

Alguns especialistas em desenvolvimento precoce das crianças consideram que a tecnologia digital, como a televisão, talvez não seja a melhor maneira de estimular os bebês e que a melhor tecnologia de estimulação cerebral para crianças no mundo provavelmente seja uma caixa de papelão, uma caixa nova de giz de cera e algumas horas de tempo livre.

Por outra parte, a American Academy of Pediatrics recomenda que as crianças com menos de dois anos passem o menor tempo possível na frente de uma tela. Isto poderá parecer um tanto exagerado para estes tempos nos quais praticamente há telas em todas partes, mas não é assim tão exagerado se consideramos que durante os primeiros anos de vida o cérebro dos nossos filhos se desenvolve a grande velocidade e nesta etapa aprendem muito mais interagindo com pessoas.

Estimulação cerebral

Embora nos últimos anos o conteúdo educativo para bebês em plataformas digitais tenha se popularizado, considera-se que este funciona mais como uma maneira de entreter as crianças que como uma ferramenta educativa, pois ainda que seja certo que entre mais palavras os bebês escutem, mais se desenvolverão as suas habilidades de linguagem, é essencial que as palavras venham de um ser humano para que consigam este propósito.

Isto não significa evitar a todo custo que o seu filho esteja perto de uma tela, pois é impossível. Mas sim é importante limitar o seu uso e permitir que se entretenha com uma tela apenas se isto não significar que passará mais tempo com ela que interagindo com outras pessoas, explorando o seu entorno ou divertindo-se com brinquedos e atividades que lhe permitam desenvolver outras habilidades.

Da mesma forma, devemos evitar o uso da tecnologia para acalmar o bebê quando estiver alterado. Lembre-se que lhe ensinar a se acalmar pelos seus próprios meios (desabafar chorando, com um abraço, um embalo ou simplesmente acompanhando-o é essencial para que aprenda a controlar as suas emoções quando você não estiver com ele.