Cuidados na 10ª semana de gravidez

10ª semana de gravidez: mamãe e bebê

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 20 Maio, 2020 // #gestacao, #estagios, #gravidez, #dicas

Ao completar 10 semanas de gravidez você precisa fazer exames de laboratório estabelecidos no acompanhamento pré-natal.

Normalmente, nas gestações catalogadas como de baixo risco, os exames pré-natais são mensais até a semana 37, entre estes exames podem estar incluídos os ultrassons transvaginais ou os ultrassons obstétricos e, logo os exames serão feitos semanalmente até o parto.

Se a gravidez for considerada de alto risco, as recomendações podem variar, e aumentam os cuidados durante as diferentes etapas da gravidez. É recomendável que você anote todas as perguntas que surjam ao longo do caminho para que, durante a consulta você não esqueça de nada.


10ª semana de gestação: as dúvidas frequentes

Das questões que preocupam todas as grávidas uma especialmente recorrente é sobre a possibilidade de manter relações sexuais. A resposta, para a grande maioria das grávidas, é sim. Mas, existem exceções, por exemplo, aquelas grávidas que estão de repouso por ameaça de aborto ou aquelas que apresentam sangramento genital ou por outra indicação médica.


10ª semana de gestação: e o que está acontecendo com o seu corpo agora?

O útero tem o tamanho de uma laranja grande e pode ser apalpado através do abdômen. Você pode sentir que está engordando e que os seus peitos estão crescendo: não se sinta mal, é totalmente normal nesta etapa da gravidez. Talvez você se sinta cansada, durma e delegue todo o trabalho possível.


O desenvolvimento do bebê depois de 10 semanas de gravidez

Esta é a última semana que o chamaremos de embrião, na próxima será formalmente um feto. Os órgãos genitais são definidos claramente e o seu bebê mede aproximadamente 3,5 centímetros e tem um peso de aproximadamente de 10 gramas. Nas extremidades são visualizados os cotovelos e joelhos, as orelhas são muito nítidas e já aparecem as pálpebras. O cordão umbilical já está formado e é o elemento que cumpre a vital função de transportar ao seu bebê oxigênio e nutrientes.

Vale lembrar que a evolução de crescimento do bebê varia principalmente considerando os fatores genéticos, recomendamos que você se atente para a semana anterior e posterior à semana que você se encontra no presente momento, e, lembre-se o acompanhamento pré-natal com o obstetra é de extrema importância para saúde de mamãe e bebê.