Ecografias e sintomas durante a 11ª semana de gravidez

As mudanças no corpo na 11ª semana de gravidez

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 20 Maio, 2020 // #gestacao, #estagios, #dicas

Na 11ª semana de gestação o obstetra solicita exames de sangue, urina, ultrassons obstétricos e exames para detectar anticorpos de diversas doenças. Este momento pode ser estressante à medida que você realiza exames para saber o estado da sua gravidez.

Em geral, o profissional pede exames de sangue e urina, para detectar rubéola, toxoplasmose, HIV, além de ultrassons pré-natais.

Habitualmente, entre a semana 13 e 14 de gestação é realizada a translucência nucal, um exame não invasivo onde é avaliada a anatomia embrionária e é realizada a medição da quantidade de líquido na região da nuca do feto por meio de um ultrassom. Este estudo se baseia na determinação de um hormônio placentário no sangue da mãe. O objetivo da translucência nucal é detectar anomalias cromossômicas como a Síndrome de Down durante o desenvolvimento fetal.


O seu corpo na 11ª semana de gravidez

A esta altura é importante que você controle as suas reservas de ferro. Este componente tem a função de formar a hemoglobina. Você o pode encontrar, por exemplo, nos seguintes alimentos: fígado de vaca, carnes vermelhas, gema de ovo, trigo, gérmen de trigo, legumes, tomate.

Especialistas argumentam que ao consumir um alimento rico em ferro devemos fazê-lo com ácido fólico, que se encontra nas laranjas, verduras de folha verde e no aspargo. Desta forma o ferro ingerido é aproveitado na sua totalidade. Por outra parte, continuando com a descrição das mudanças na gravidez, encontramos que:

  • O seu útero cresceu muito e ocupa a pélvis por isso você já pode apalpar o seu bebê na região do púbis;
  • Pode ser que você perceba que os seios mais delicados e pesados;
  • Talvez as suas emoções sejam imprevisíveis devido às mudanças hormonais e você se sinta muito cansada.

O seu bebê na 11ª semana de gravidez:

  • Nesta etapa o seu bebê já deixou de ser chamado embrião, mede quase 5 cm., o tamanho de uma fruta pequena e o seu esqueleto cresce a passos agigantados.
  • Os ossos começam a se solidificar, ainda que são de um material flexível. Os seus órgãos estão formados e funcionam completamente.
  • O sistema nervoso do bebê vai se desenvolvendo e o seu cérebro e as terminações nervosas se conectam mediante impulsos elétricos.
  • Por outra parte, você verá que os seus dedos já estão separados e começa a enxergar as unhas.

Vale lembrar que a evolução de crescimento do bebê varia principalmente considerando os fatores genéticos, recomendamos que você se atente para a semana anterior e posterior à semana que você se encontra no presente momento, e, lembre-se o acompanhamento pré-natal com o obstetra é de extrema importância para saúde de mamãe e bebê.