Doenças do útero

Como funciona o útero na gravidez?

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 20 Maio, 2020 // #gravidez, #bebe

Na gravidez, o útero é o órgão que tem a responsabilidade de acolher o seu bebê, é ele onde vai viver e se desenvolver por nove meses. O útero está localizado entre a sua bexiga e o seu reto, e é um órgão muscular que mede 7cm, aproximadamente, com forma similar a uma pera.

Este órgão do seu corpo se forma com a união de duas partes, quando você ainda não nasceu. Contudo, às vezes não termina de se desenvolver e ocorrem as anomalias congênitas do útero. Geralmente você pode viver com elas sem perceber.

Características do útero na gravidez,

Aqui apresentamos para você as suas principais características no período gestacional:

  • O caso mais frequente é do útero bicorno. Neste caso, a forma de pera é trocada pela forma de coração, com dois extremos superiores maiores.
  • Também existe o útero unicorno, que tem a metade do tamanho habitual, contando com apenas uma trompa de falópio.
  • Um caso muito pouco frequente é o útero duplo. Neste caso, uma parede de tecido chamada septo divide o útero, criando duas cavidades inferiores.

Estas anomalias podem causar problemas na sua fertilidade, mas na sua maioria não impedem a concepção, ainda que tornem a tarefa mais difícil.

Como afeta a gravidez?

Com relação à gravidez, a sua principal influência é que não proporciona espaço suficiente para o desenvolvimento do seu bebê. Por este motivo, são mais prováveis os partos prematuros, já que chega um momento no qual não possui mais espaço para o bebê crescer. Também é provável que perto da data do parto, o bebê siga estando sentado dentro do ventre, por isso pode ser necessário uma cesariana.

Se você tiver dúvidas sobre isto, o melhor é que consulte o seu médico. Através de um estudo ele poderá examinar o seu útero e as suas trompas, determinando se há alguma anomalia. Geralmente o exame é realizado através de ultrassons ou, também, pode ser recomendada uma laparoscopia.

Se o seu caso é um dos citados anteriormente, é muito importante que para cuidar da sua saúde e a do seu bebê você se consulte frequentemente: o seu obstetra vai precisar realizar um exame constante de ambos. Mantenha-se tranquila, tire todas as suas dúvidas e informe ao seu médico de qualquer sinal de alarme.