Evite a gripe durante a gravidez

Gripe na gravidez

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 20 Maio, 2020 // #gravidez, #saude, #cuidados

A imunização é muito importante para proteger a saúde de forma integral durante e depois da gravidez. Além das vacinas, é importante que as grávidas e as puérperas sigam uma série de conselhos, relacionados ao cuidado dos recém-nascidos. A gripe e a gravidez são zero compatíveis, por essa razão, siga passo a passo os seguintes conselhos.


Gripe e gravidez: Recomendações médicas

As principais recomendações dos médicos são as seguintes:

  • No caso de existir maior circulação e contágio do vírus da gripe, as grávidas devem continuar com o seu controle da gravidez tentando não ir aos hospitais, mas sim a postos de saúde, para evitar o contato com âmbitos de maior circulação do vírus.
  • Devem lavar as mãos regularmente e depois de tocar objetos que possam estar contaminados, como puxadores, maçanetas, etc. Além disso, devem lavá-las assim que chegarem a casa, para evitar a entrada do vírus.
  • Em casos de febre e, também, diante da presença de sintomas respiratórios, deve consultar o obstetra. O paracetamol é o tratamento utilizado durante a gravidez.
  • A mãe que apresentar sintomas de gripe ou que tiver um diagnóstico de gripe, não deve interromper o aleitamento, mas deve lavar as mãos antes de tocar a criança, amamentá-lo com máscara e, o resto do tempo, permanecer isolada do recém-nascido.
  • Se for o bebê que estiver gripado, você deve continuar com o aleitamento, porque o leite materno é uma fonte única de defesas para o bebê.
  • Lavar frequentemente as mãos dos bebês e das crianças, assim como tudo que o pequeno leve regularmente à sua boca, como chupetas, brinquedos, mordedores.
  • No caso de ter irmãos, você deve evitar que eles toquem os itens do bebê, para evitar a transmissão do vírus.