Mudanças na 18ª semana de gravidez

desenvolvimento do bebê na 18º semana de gravidez

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 20 Maio, 2020 // #gravidez, #gestacao, #desenvolvimento

Durante a 18ª semana de gravidez, dizem que até 60% dos pais tem algum dos sintomas da gestação. Eles, inclusive, podem sentir náuseas, mudanças de humor, excesso de peso e desejos estranhos.

Depois de usar a calculadora de gravidez e saber em qual semana você está, (perto desta data) geralmente, é realizado um ultrassom, o segundo da gravidez.  A ênfase deste é detectar defeitos do tubo neural, do coração, dos rins e do rosto, como o lábio leporino.

Além disso, serve para detectar gravidez gemelar, alterações na quantidade de líquido amniótico e da placenta. Habitualmente e, se for possível ver, o técnico pode dizer para você o sexo do seu bebê. Tenha em mente se você quer saber de antemão, para não se sentir pressionada no momento e lembre-se que o que o técnico diz não é 100% seguro.

O seu bebê na 18ª semana de gravidez

  • O seu bebê mede 15cm e pesa perto de 180 gramas.
  • No pequeno começam a aparecer detalhes mais finos, como as impressões digitais.
  • Imagine que neste período se supõe que o seu ouvido já distingue a sua voz. Já pode se acalmar ao som dela ou do seu canto.
  • Com relação à sua contextura física, os seus ossinhos estão se tornando cada vez mais fortes e as pernas aumentam de tamanho.
  • A suas orelhas estão quase em posição e são verdadeiramente grandes.
  • A sua pele começa a ser coberta por uma substância gordurosa esbranquiçada, chamada vérnix caseoso, que serve de proteção no resto da gravidez e para a passagem pelo canal do parto.
  • “Vérnix”, do latim “verniz” e “caseoso” do latim “queijo”, cobre o bebê. Estruturalmente, o vérnix é similar à camada mais externa da epiderme: o estrato córneo, que mantém a pele do bebê isolada da água (líquido amniótico).

Tentamos ser o mais preciso possível, mas tendo em conta que as taxas de crescimento e desenvolvimento da gravidez são, ocasionalmente, diferentes em cada mulher, recomendamos que você leia a semana da sua gravidez, assim como a semana antes e a semana depois. No caso de alguma dúvida adicional, consulte o seu médico.