Hospitais para grávidas

A última parada da sua gravidez: o hospital.

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Segunda-feira 3 Fevereiro, 2020 // #gravidez, #saude, #segurança

A ÚLTIMA PARADA DA SUA GRAVIDEZ: O HOSPITAL

Escolhendo a clínica certa para você

Chegou a hora de escolher o hospital onde você vai ver seu bebê pela primeira vez e não sabe o que deve levar em conta? Recomendamos que você comece a planejar a partir do segundo trimestre e considerar os seguintes pontos, para que você tenha certeza de escolher o lugar que atende a tudo o que você quer.

A olho nu parece que o custo ou o ambiente do hospital é o que a motivará a escolher um ou outro, mas também é importante ter em mente os serviços e os diferentes procedimentos que eles oferecem. Assim como você fez ao escolher seu médico, será de grande ajuda realizar uma pesquisa analisando os próximos 10 pontos.

Distância do hospital

A quantos km fica da sua casa? Você está em uma área de tráfego pesado? Tem estacionamento ou você pode estacionar nas proximidades? Você pode não precisar chegar com pressa, mas é melhor estar preparada para o que for.

Epidural

Nem todos os hospitais oferecem a opção de colocar a epidural ou têm um anestesista 24 horas, então você deve verificar esta informação muito bem.

Trabalho de parto ou dilatação

Esta parte tem a ver com a flexibilidade do hospital para que você possa andar e aliviar a ansiedade ou, mesmo, comer algo leve altamente energético durante o processo de parto.

Fase de expulsão

Você tem a liberdade de escolher a posição durante o parto? Eles têm o equipamento para dar à luz debaixo d'água ou com bolas de pilates? Existem vários tipos de parto e, se você já tem um escolhido, é importante ter certeza de que eles têm este no hospital.

Procedimentos médicos

A indução do parto com oxitocina ou episiotomia geralmente é feita no hospital em questão? Esses procedimentos não devem ser feitos para todas as mulheres, mas apenas se suas circunstâncias exigirem. Fale com a equipe, informe-se sobre seus procedimentos e expresse claramente seu ponto de vista.

Partos instrumentais

Se possível, fale com as pessoas que deram à luz no hospital e investigue as estatísticas e relatórios que eles têm de cesarianas, episiotomias, etc.

Presença da sua família

Muitos pais querem estar lá, eles até planejam gravar todo o processo de parto, então você deve perguntar se é permitido acompanhá-la enquanto você dá à luz.

Amamentação

Quais são suas restrições quanto à possibilidade de alimentar seu bebê? Têm horários predefinidos? São questões importantes para começar a amamentar corretamente.

Visitas

Outro ponto que não pode ser deixado de fora é se o seu quarto será compartilhado com outras mulheres, uma vez que ter visitas com muita frequência pode ser muito cansativo. Também é bom saber como as visitas de seus parentes e amigos são reguladas.

Cuidados especiais

Se sua gravidez é de risco ou tem chances de que seu parto seja prematuro, você deve garantir que o hospital escolhido tenha uma unidade especializada de prematuros, UTI neonatal e pessoal médico especializado em casos de risco.

Pacotes de maternidade

O hospital onde você dá à luz tem um papel essencial durante a gravidez, pois será o lugar em que seu bebê passará seus primeiros dias de vida, por isto recomendamos que você procure um lugar que, além de contar com o necessário para as características do seu parto, lhe dê a segurança e conforto para viver este momento de incomparável felicidade e que é crucial na sua gravidez.