Barriga de gravida

Como adaptar-se à sua nova barriguinha?

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 20 Maio, 2020 // #dicas, #gravidez, #saude

COMO ADAPTAR-SE À SUA NOVA BARRIGUINHA?

Como me virar com minha nova barriga?

Uma das primeiras coisas que vem à mente quando você pensa em gravidez é a barriga. Neste sentido, é muito provável que essa seja uma das mudanças no seu corpo que mais a preocupe. Há muitas informações disponíveis, por isto vamos nos concentrar nas dicas essenciais.

Aos poucos, você notará que sua barriga ficará maior e mais redonda. A verdade é que cada mulher é um mundo. Em algumas, ela aparece antes, em outras mais tarde e, algumas, nem aparentam estar esperando um bebê, até que a gravidez esteja bem avançada.

Mas o que a faz crescer ou ter um certo tamanho? Muitas mulheres acham que isto se deve ao tamanho do bebê, mas, na realidade, tem a ver com o tamanho do seu útero, começando a manifestar-se quase sempre no segundo trimestre.

Além disto, a barriga é vista como uma esfera de cristal. Costuma-se pensar que, dependendo do quão redonda ela seja, você pode saber o sexo do seu bebê ou que o tamanho da sua barriga está relacionado ao tamanho do seu filho. Neste sentido, não há informações científicas que sustentem tais afirmações, mas elas fazem parte da mística que envolve o período de gestação.

Mulher em pé na frente de um prédio

Descrição gerada automaticamente

Fisicamente você ficará maior e, como não está acostumada, pode ser que não queira se mexer ou tenha medo de exercitar-se para não prejudicar seu bebê. E sim, você deve tomar precauções, mas também não pode ficar parada. O melhor indicador para saber se algo está errado é a dor. No entanto, separamos abaixo algumas dicas preventivas:

  • Sempre inclua um aquecimento e um momento de relaxamento;
  • Evite alongamentos passivos e forçados, como tocar os dedos dos pés;
  • Evite contrações repentinas, movimentos saltitantes ou mudanças rápidas de posição;
  • Limite a atividade aeróbica, especialmente se você já não fazia exercícios regularmente antes de engravidar;
  • A caminhada rápida, natação e bicicleta ergométrica são boas opções;
  • Se tiver aulas de aeróbica, faça-as apenas em superfícies de madeira ou carpete e certifique-se de que o instrutor saiba que você está grávida;
  • Proteja os músculos abdominais e lombares com uma boa postura. Se quiser fazer abdominais, os movimentos deverão ser "curtos";
  • Meça sua frequência cardíaca e evite o superaquecimento com uma boa hidratação.

O exercício é uma parte essencial para lhe dar flexibilidade e controle, pois você deve aprender a mover-se corretamente, uma vez que suas costas e pernas terão que carregar um peso adicional. Estando em pé ou sentada, você deve ficar o mais ereta possível, sem incomodar a barriga, deixando a pelve ligeiramente para a frente, mas sem arquear os rins ou contrair os músculos abdominais.

Dormir é uma delícia, mas com a barriga que tem agora você pode não se sentir tão confortável na posição em que costumava dormir. São várias opções, então compartilhamos todas para que você possa experimentá-las e escolher aquela que a deixa mais à vontade:

  1. Deitada sobre o lado esquerdo;
  2. De lado com um travesseiro entre as pernas;
  3. Com os pés para cima;
  4. De costas;
  5. Semissentada.

Lembre-se de que seu corpo não é mais o mesmo de antes e para mover-se é preciso levar isto em conta. Entretanto, é possível que você vá batendo em tudo no seu caminho ou que colida com tudo e com todos. Para evitar isto, poderá colocar os braços na frente da barriga, como se a estivesse abraçando, medindo o espaço que precisa para passar. No começo vai dar trabalho, mas aos poucos você vai se acostumando.

Parte de estar grávida é descobrir por si mesma como lidar com as mudanças pelas quais seu corpo passará, mas, ao colocar estas dicas em prática, você não deverá ter problemas. Apenas não se esqueça de prestar muita atenção aos sinais do seu corpo e informar o seu médico sobre qualquer coisa que a preocupe.