Características do parto por cesariana

Conheça os cuidados no pós-parto cesárea

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 20 Maio, 2020 // #parto, #saude, #cuidados

Dependendo da posição na qual o seu bebê estiver e das condições clínicas pode ser imprescindível a realização do parto cesárea para resguardar saúde de mãe e filho. Ainda que se saiba que o pós-cesariana é um momento bastante delicado, nós a ajudaremos nesse processo.

O seu bebê nasceu por cesariana — corte pequeno realizado em cima do púbis no abdômen inferior — os especialistas se encarregarão de cuidar de você e do seu útero para que ele retorne à posição original com segurança.

Como é o pós-cesárea?

Ao finalizar a cesárea as enfermeiras colocarão uma faixa que além de ajudar o útero a voltar a posição original serve para proteger a cicatriz. Além disso, será necessário o uso de analgésicos e antibióticos para redução das dores causadas pelo corte, além de evitar infecções.


O impacto na mãe do pós-cesariana

Para algumas mulheres a cesariana não está relacionada a nenhum trauma aparente, longe disso. Mas para outras, ao contrário, a cesariana gera uma complexa reação psicológica como sentimentos de perda e fracasso.

Ainda que, nesses casos, pouco frequentes, poderia se dizer que é o caso das mães que estão atravessando a chamada “depressão pós-parto depois da cesariana” ou, também conhecida como síndrome de estresse pós-traumático.

Por que os efeitos psicológicos da cesariana são tão ímpares? 

  • A primeira explicação são os fatores obstétricos que levaram à cesariana e o modo no qual a intervenção foi realizada;
  • Caso a cesariana tenha ocorrido devido a uma emergência ou motivada por uma situação de sofrimento do bebê, maiores as chances de dificuldades após o nascimento. A mãe irá precisar de mais tempo para entender e ressignificar o que viveu;
  • Se a intervenção cirúrgica se deu com anestesia geral o mal-estar psíquico costuma ser maior;
  • Ao contrário, as cesarianas programadas permitem que a mulher se prepare psicologicamente para a intervenção cirúrgica;
  • Outro aspecto crucial é a qualidade do atendimento que receba durante a recuperação da cesariana. Se a mulher participou da decisão, se foi bem informada das opções, e sobretudo se entendeu a importância da cesariana naquele momento é mais provável que a assimilação seja relativamente simples;
  • Quanto mais apoio tiver do seu círculo familiar e social mais rápida será a sua recuperação física e psicológica.