Movimentos normais do bebê durante a gravidez

Baby Dropping: seu bebê está se preparando para nascer

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 20 Maio, 2020 // #gestacao, #gravidez, #saude

BABY DROPPING: SEU BEBÊ ESTÁ SE PREPARANDO PARA NASCER

A cabeça dele cada vez mais virada para baixo

Ao longo de toda a gravidez, seu bebê se acomodará naturalmente dentro de você. E, durante o terceiro trimestre, você, certamente, irá vivenciar como seu filho irá posicionar-se com a cabeça virada para baixo, preparando-se para o parto. Este movimento é denominado Baby Dropping (“Encaixamento”).

Em geral, se for seu primeiro bebê, é provável que se acomode assim no período entre 34 e 36 semanas de gravidez, mas há crianças que fazem isso durante o trabalho de parto, então você não deve se preocupar se seu pequen@ não foi colocado nesta posição quando o trabalho de parto começar. Na maioria desses casos, isto não será um problema, visto que as contrações o empurrarão para baixo.

Por outro lado, se seu bebê está se instalando muito antes do período médio em que isto ocorre, não significa que ele será prematuro. Sabendo isto, é importante que você tenha clareza sobre o processo dessa acomodação do seu pequen@ para que você saiba o que está acontecendo e como reagir.

O movimento consiste no fato de que seu bebê irá deslocar-se para baixo quando a parte inferior do útero se expandir. A cabeça ou as nádegas (se ficarem ao contrário) mudarão de posição até que se localizem na cavidade do osso púbico. Caso tenha dúvidas sobre os sintomas que você apresentará, seguem aqui algumas informações:

  1. Sensação de leveza;
  2. A pressão sobre as costelas é aliviada e, consequentemente, qualquer dor que você possa ter sentido durante as semanas anteriores diminui;
  3. Você consegue respirar com mais facilidade, pois seu bebê não colocará tanta pressão nas costelas como antes. Isto permite que os pulmões se encham mais facilmente;
  4. Se você já teve azia, será um alívio, pois o bebê irá liberar a parte superior do estômago para estabelecer-se na parte inferior da pelve. Você poderá até sentir mais fome;
  5. Você notará mudanças visíveis em seu abdômen;
  6. Você poderá sentir mais vontade de urinar por causa da pressão que seu bebê exerce sobre sua bexiga.

A baby lying on a bed

            Description automatically generated

Você deve saber que também existem alguns fatores que podem afetar esta disposição do seu bebê dentro de você, os quais demonstraremos a seguir:

  • Se o seu bebê se encontra na posição posterior, ou seja, com as costas voltadas para você. Neste caso, é mais difícil para o bebê achar uma posição cômoda e você poderá ter um parto mais difícil;
  • Se o seu bebê tiver espaço para se mover. Isto pode acontecer quando você tiver muito líquido amniótico ou caso já tenha tido outro bebê. Às vezes, em vez de ficar na posição vertical, o seu filho se acomodará na horizontal ou na diagonal;
  • O formato da pelve, a posição da placenta ou a presença de um tumor benigno (mioma). Estes fatores podem afetar como e quando o bebê se deslocará para baixo;
  • Outro fator é se você estiver esperando gêmeos ou mais bebês.

Mas e se o seu bebê ainda não tiver se acomodado, existe uma forma de ajudá-lo a descer? Sim e são atividades muito simples de se fazer: caminhar, sentar em uma bola para gestantes e fazer exercícios pélvicos. Caso tenha alguma dúvida sobre quais são, clique aqui.

Cada gravidez é diferente. Por isto, mantenha-se em constante comunicação com o seu médico, pois ele poderá confirmar a descida do seu bebê, determinando a sua posição ao pressionar suavemente a parte inferior da sua barriga. Além disto, sinta-se à vontade para compartilhar qualquer desconforto ou dor que sentir.