Tipos de urticária e urticária na gravidez

Tudo sobre a urticária durante a gravidez

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 7 Outubro, 2020 // #cuidados, #gestacao

A gravidez é um processo de mudanças, que você, também, perceberá na sua pele. De acordo com a Associação Estadunidense de Mulheres Grávidas, 1 a cada 5 mulheres grávidas sofrem alterações na sua pele — acne, melasma ou manchas na pele e estrias — devido ao estiramento e o ressecamento desta, assim como às mudanças hormonais desta etapa.

Estas modificações poderiam tornar o seu corpo mais sensível diante de agentes patógenos e ocasionar a liberação de histamina, substância encarregada de nos defender destes microorganismos por meio de reações alérgicas a picadas de insetos, medicamentos, alimentos, produtos químicos, estresse, entre outros.

Assim que você observa erupções vermelhas e elevadas na área do abdômen, braços, pernas; e coceira extrema, talvez apresentando um quadro de PPUPG (Pápulas e Placas Urticariformes Pruriginosas da Gravidez) ou urticária. Não há motivo para se preocupar, 1 a cada 150 grávidas irão desenvolver os sintomas da urticária em sua primeira gravidez.

Principais causas do aparecimento das urticárias durante a gestação

  • Reações alérgicas: diferentes alimentos, bactérias ou sustâncias podem provocar um alerta e originar o aparecimento de manchas na pele;
  • Estiramento da pele: as urticárias são uma reação inflamatória do corpo como consequência do rompimento do tecido conjuntivo;
  • Estresse emocional: as mudanças hormonais e medos sobre o futuro costumam se exteriorizar principalmente na pele e no sistema digestivo.

A person sitting on the ground Description automatically generated

Tratamentos caseiros que ajudam a aliviar os sintomas da urticária

Faça todo o esforço para não se coçar, já que você poderia irritar ainda mais a sua pele e aumentar a possibilidade de desenvolver uma infecção. 

Os remédios caseiros que seguem serão de grande ajuda para aliviar a coceira:

  • Vinagre de maçã: devido às suas propriedades antialérgicas, o vinagre reduz a inflamação e a coceira. Além de ajudar a restaurar a saúde da pele;
  • Aloe Vera: reduz os sintomas, favorece a cicatrização e alivia a vermelhidão;
  • Cebola: graças às suas propriedades anti-inflamatórias e antissépticas é um grande aliado no tratamento da urticária. A princípio vai arder um pouco, mas a sensação de alívio valerá a pena;
  • Camomila, valeriana ou tília: estas ervas agem como sedantes diante do nervosismo, estresse, ansiedade etc.;
  • Farinha de aveia: as suas propriedades anti-inflamatórias reduzem os sintomas da urticária quase de imediato; aliviam a coceira e ajudam na cicatrização da pele;
  • Compressas frias: aplicar água fria ou cubos de gelo é uma excelente maneira de reduzir os sintomas da urticária, já que os vasos sanguíneos reduzidos bloqueiam a liberação de histamina.

Como evitar as urticárias durante a gravidez

  • Evita tomar banho com água muito quente: a exposição a altas temperaturas pode detonar ou agravar a urticária;
  • Use sabonete neutro: algumas fragrâncias podem irritar a pele;
  • Use roupa cômoda: larga, de algodão e leve;
  • Hidrate a sua pele: use loção ou creme hidratante sem perfume, guarde-a no refrigerador para que proporcione um efeito mais refrescante;
  • Diga adeus a situações de estresse: pratique técnicas de relaxamento ou de meditação.