Segure o bebê com os braços

Por que abraçar o seu bebê pode ser o melhor remédio?

Kimberly Clark Brand Mais Abraços // Quarta-feira 7 Outubro, 2020 // #bebe, #filhos, #maternidade

Não há nada mais emocionante que sentir a pele do seu bebê pela primeira vez. Você esperou muito para conhecê-lo e agora é como se não conseguisse mais soltá-lo. E está tudo bem! Está cientificamente comprovado que os seus abraços têm efeitos benéficos para a saúde do seu bebê. Assim, segure seu bebê em seus braços e expresse todo o seu amor.

O poder do abraço de um bebê

É assombroso pensar que, assim como você sente emoção ao tocar o seu bebê, ele ou ela está sentindo exatamente o mesmo e, inclusive, de forma mais intensa. Talvez, não possa comunicá-lo verbalmente, mas os efeitos na saúde são evidentes. Estudos científicos de Canadian Association of Paediatric Health Centers comprovem que o contato pele a pele entre uma mãe e filho tem efeitos poderosos.

Tipos de abraços

Existem distintos tipos de abraços e alguns produzem diferentes estímulos dependendo da etapa do desenvolvimento do bebê.

Algumas crianças nascem prematuras e isto implica uma série de cuidados especiais, assim que sempre é recomendado consultar o seu médico sobre qual é a melhor técnica para poder abraçar o seu bebê.

  1. Segurar ou embalar: este tipo de abraço implica segurar o bebê enquanto estiver abrigado.
  2. Aconchego: consiste em segurar o bebê com as suas mãos enquanto os seus bracinhos e pernas estão flexionadas e perto do tronco do corpo.

Abraço tipo aconchego, cegurar o bebê com as suas mãos

  1. Contato pele a pele: neste tipo de abraço o bebê utiliza unicamente uma fralda e a mãe ou o pai o segura contra o peito.

Abraço tipo contato pele a pele

  1. Massagem infantil: a aplicação de terapia de massagens para bebês.

Bebê recebe abraço tipo massagem infantil da mamãe

  1. Cuidado materno canguru: neste tipo de abraço o bebê utiliza unicamente uma fralda e a sua mãe o segura contra o seu peito nu continuamente até que o bebê comece a suar e resistir a posição. É exclusivo para a amamentação.

Bebê recebe abraço canguru da mamãe

Entre os benefícios dos abraços podemos destacar

Os resultados mais significativos dos estudos mostram melhoras em:

  • A resposta do bebê à dor;
  • Respostas fisiológicas: por exemplo, ritmo cardíaco do bebê;
  • Comportamento: choro, sono;
  • Outros aspectos: desenvolvimento cognitivo, saúde mental, aumento de peso;
  • Resposta dos pais: saúde mental dos pais, relações pais-filhos, tempo de amamentação.

Os abraços têm efeitos positivos inclusive a longo prazo. Abraçar o seu bebê hoje o fará um melhor adulto, com a capacidade de estabelecer conexões afetivas positivas com os outros. Está comprovado que as crianças que são abraçadas desde uma curta idade tendem a imitar este comportamento ao logo das suas vidas.

Então, vida longa aos abraços! Segure o seu bebê e dê-lhe todo o amor do mundo. Conte para nós nas nossas redes sociais tudo o que você sentiu quando segurou o seu bebê por primeira vez e quais são os seus conselhos para fazê-los sentir protegidos. Mais abraços!